A propósito dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável e dos obstáculos à sua concretização, António Guterres, secretário-geral da ONU, afirmou recentemente num artigo de opinião no Público:

É particularmente urgente que se actue em três áreas. Primeiro, as alterações climáticas. Os nove anos mais quentes desde que há registo ocorreram nos últimos 13 anos. No último ano, o custo económico de catástrofes relacionadas com alterações climáticas atingiu um novo recorde – 320 mil milhões de dólares. Vidas estão a ser destruídas e é necessária mais ambição, incluindo um corte de 25 por cento nas emissões até 2020. Estes são os factos, mas felizmente existe outra realidade onde há mais esperança: a energia limpa está mais acessível e competitiva do que nunca. Recentemente, a Organização Internacional do Trabalho reportou que as políticas económicas ecológicas de senso comum podem criar 24 milhões postos de trabalho até 2030. As alterações climáticas continuam a avançar a um passo mais rápido do que o nosso e o desafio que temos pela frente consiste em inverter essa situação […]. [Artigo na íntegra]